Archive for the 'Evolução' Category

04
jun
10

Tim Knoll – evolução!

Passando pelo BMX freestyler, me deparei com uma entrevista com Tim Knoll. Ele é um atleta com uma mente super aberta, tão aberta que misturou street com flatland. Muito loco! Confira:

Além disso ele é o invertor da manobra “the galvatron”. Sem palavras! Confira este vídeo:

Quando agente pensa que não dá mais para evoluir, o cara faz isso!

Vlw!! Comentem!

19
maio
10

Flatland voltou ao masters!

Após a decepcionate notícia de que o masters não contaria com o flatland esse ano, chegou uma nova: ele vai sim estar presente!

As empresas Deep BMX e Power Balance estarão bancando todo o evento (de flatland) e a premiaçãode 5000 euros! Isso sim é acreditar no esporte!

Via: Flatmatters

Vlw!! Comentem!

28
abr
10

Tailwhips

Depois do Patrick aderir aos tailwhips, muito brasileiro tá treinando duro pra acertar essa manobra. Confira aí o Fagner e o Binho:

Fagner:

Binho:

Vlw!! Comentem!

31
mar
10

Vídeo do open stage Barueri na ESPN

Segue aí o link para o site da ESPN, aonde tem um vídeo sobre a competição com entrevistados como Bruno Zebú, Léo Claro, entre outros. Confira: Clique Aqui !

Vlw!! Comentem!

17
fev
10

New trick – Martti Kuoppa

Novo combo do Martti: Megaspin pra whopper pra megaspin pra timemachine no pedal !!!!!!!!!!

(via ground-tatics.com)

Vlw!! Comentem!

10
jan
10

Wild 1 – novo quadro da Jungle Rider

Após o fim da KGB, Martti Kuoppa lançou sua marca “Jungle Rider”, e agora saiu o primeiro protótipo de quadro, o “Wild 1”.

Segundo Martti, essa companhia veio não para fazer quadros hiper leves, mas sim quadros hiper resistentes. Ela preza a qualidade e durabilidade ao invés do peso.

Ele também pretende tirar um porcentagem dos lucros para comprar a passagem ao ganhador da competição groundtatics. Martti disse que criando esse novo patrocinador pretende incentivar a cena flatland atual, e não aumenta-la.

Aspectos do quadro:

– Ângulo H.: 74.7°
-Tamanhos: 18.4″ e 18.8″
-Peso: 1750 g

O quadro entrará em testes durante 2 a 3 meses por Toon e pelo próprio Martti.

-1° vídeo do quadro:

(via flatmatters online, mais fotos lá)

Vlw!! Comentem!

07
jan
10

Martti Kuoppa desclassificado do World Classic

Um dos pais do Flatland, e co-criador da falecida KGB, Martti Kuoppa foi desclassificado do campeonato mundial de flatland “World Classic“, porque ele “não estava levando sério o bastante”!
Martti começará um novo capítulo em sua vida dia 15 de janeiro, e essa seria sua ultima aparição pública durante um bom tempo.

Segue abaixo o que ele colocou em seu facebook:

“Pela primeira vez em minha vida fui desclassificado de uma competição!!! Isso é o que acontece quando eu não ando mais com a “atitude vencedora”! Patrocinadores/ promotores de competições não gostam disso. E sim, eu saí para o feriado e não andei durante algumas semanas, mais eu ainda detono. HAH. Bom, então eu faço isso no groundtatics.”

Isso trás algumas questões a tona. Primeiramente, isso ainda é “Freestyle” ? Como um piloto consagrado como Martti pode não levar o Flat a sério? No começo de dezembro ele lançou uma série de vídeos mostrando sua evolução, e só porque ficou afastado um curto período de tempo do flat para curtir o feriado de fim-de-ano ele merece ser desclassificado???
O flatland está caindo no grande buraco capitalista, onde o dinheiro gerado conta mais que o próprio Flat!

Na minha opinião, Martti deveria estar nessa competição de qualquer maneira, andando bem ou não, só pelas coisas que ele já fez pelo esporte.

Jesse Puente tomará o seu lugar na competição.

(Parte do texto foi adaptada do flatmattersonline)

-> Martti Kuoppa explica a situação (via flatmattersonline):

“Não sepreocupem pessoal. Eu continuarei fiel às minhas crenças.
Isso foi o que aconteceu:

A dois meses atrás eu recebi uma oferta do meu principal patrocinador para 2010, a que eu tive que recusar, pois eu nunca conseguiria viver com essa quantia, além do que eu teria que pagar minhas passagens e acomodações para as competições. Entãono fim, eu nem teria dinheiro para pagar minhas contas ou mesmo comer, mesmo se ganhace todas as competições.
Comecei então a procurar por um emprego. Muito estresse veio a mim porque estava procurando um emprego de período integral, e não pude me concentrar no flat nesse período.
Ao mesmo tempo, eu já tinha uma passagem comprada para Singapura, aonde eu queria passar o feriado com minha namorada, já que ela me suportou muito durante os períodos difíceis.
Nós fomos para o feriado, e eu percebi que não tinha dinheiro para comprar passagens ao Japão, então não fui.
Testei minha bike, fui para o meu pico, mandei todas as minhas manobras de competição, de primeira. Sem problemas.
Levei minha bike para o feriado em Singapura, mas preferi curtir com minha namorada ao invés de andar, realmente entrei no “modo feriado”.
Então derrepente eu consegui a hospedagem e a passagem para a competição, que eu achei que não iria.
Falei pro organizador que eu passei um tempinho sem andar. (Eu andei durante 20 minutos em Singapura, e achei que estava legal).
Aí eu recebi um email dizendo que minhas passagens estavam canceladas porque eu não estava me dedicando a esta competição.
Sim, isso é verdade, não existe mais nenhuma competição neste mundo que eu dedicarei um único dia da minha vida. Eu posso competir, mas eu só vou lá e tiro meus tricks do chapéu, o que der na mente, eu fiquei realmente mal em minha vida quando estava dedicando meus dias pra ficar consistente.

Mas isso não é o bastante, e seria arriscado para a publicidade da competição.
Sou mais legal que isso.

Me recuso a virar um “homem-sim” (que aceita tudo). Foi por isso que tive problemas com meus ex patrocinadores.
E o mais engraçado é que as pessoas que fizeram essas decisões estão me mandando emails questionando meu amor pelo flatland.
Isso só me motiva mais a evoluir assim que voltar pra casa.

Rebelde pra sempre!!! Este sou eu.

E falando nisso, vou trabalhar pra Monter Energy Drinks quando voltar pra casa 🙂
Não fui tão burro no final das contas…..:)”

Vlw!! Comentem!




Bookmark and Share

Feed RSS

freeflat.wordpress.com -//- 2010